Feira do Livro e os estranhos saldos

Visitar a Feira do Livro em Porto Alegre (este ano é 53ª edição) é uma tradição gostosa, faz bem à alma, estar no meio das bancas, com toda aquela cultura em volta é fantástico. Sem contar que é a maior feira do livro ao ar livre da América Latina. Milhares de pessoas se "espremendo" para encontrar um espaço para conferir lançamentos e saldos.

É exatamente os saldos que quero falar, tradicionalmente tem um espaço nas bancas, em que trazem alguns títulos em promoção, chamados de "saldos" ou "balaio" (por estarem todos misturados). Só que este ano vi um misterioso fenômeno (pelo menos para mim), saldos por R$ 15,00, como assim?? geralmente os saldos tem valores entre R$ 5,00 e R$ 10,00, mas R$ 15,00? é saldo? ainda mais com títulos que fora da feira são encontrados por até menos que a metade deste preço. Seria ganância?? desrespeito com o leitor? 
 
Claro que não identificarei a banca, até por motivos obvios, só sei que frustei-me. O local é para proporcionar um acesso fácil (e mais em conta) para novos e antigos leitores que não frequentam mais livrarias, hoje é (quase) tudo digital. 
 
Mas mesmo assim, você que é da região de Porto Alegre, não deixe de frequentar a Feira, porque depois, só ano que vem...










Comentários