Humor na dose certa, Homens de Perto

Um dos trios de maior sucesso entre os gaúchos, Zé Victor Castiel, Oscar Simich e Rogério Beretta protagonizam um show para lá de animado, sempre com a platéia lotada, eles levam os espectadores as lágrimas, de tanto que riam. Confiram a história e um vídeo abaixo dos Homens de Perto


Por muito tempo as mulheres botaram a boca no trombone, ou melhor, no palco. Agora, é a vez dos homens de mostrar seu lado da história. Zé Victor Castiel, Oscar Simich e Rogério Beretta levam ao palco o texto de Arthur Pinto, no espetáculo Homens de Perto.

Em cena, o cotidiano masculino de futebol, cerveja, roupas pelo chão e tampa da privada levantada. Os atores cantam, dançam balé e quebram a quarta parede, mostrando uma galeria de cenas que vão do absurdo ao improvável.

O Espetáculo

Uma comédia teatral que tem o compromisso de fazer a platéia rolar de rir. Mais de duzentas mil pessoas em quase quatrocentas apresentaçães fazerm deste espetáculo um dos maiores fenômenos teatrais de todos os tempos no Brasil.

Escrito por Artur José Pinto e brilhantemente dirigido por Néstor Monasterio, Homens de Perto conta com um elenco de três experientes comediantes, Oscar Simch, Rogério Beretta e Zé Victor Castiel e uma belíssima atriz convidada, Sophia Schul, que se entregam à arte da comédia como se fossem meninos num parque de diversões.
 
A história começa com o retorno do velório de Honório, o líder do grupo de amigos. Após muita farra, ele bate as botas com uma cara de deboche no rosto, deixando o grupo seriamente prejudicado. Por este motivo, ainda que muito consternados e envergando o luto fechado, eles decidem que o show deve continuar. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário