Pelotas, Politica e Turfe

A única cidade que teve disputa pela prefeitura em segundo turno pelas terras da provincia de São Pedro do Rio Grande, Pelotas, teve seu ganhador anunciado : Eduardo Leite. Seguindo a lógica que adotei aqui nas postagens Politica a Galope, uma analise da eleição na ótica do turfe e Fortunati e Secretariat, vitórias por abandono , vou analisar a vitória do candidato tucano frente ao candidato petista.

Foto: Felipe Truda/G1
A disputa em Pelotas foi dada com quatro competidores, dois potros (Eduardo Leite e Matteo Chiarelli) e dois cavalos clássicos (Catarina Paladini e Fernando Marroni). Largando na pedra um, Marroni fez questão da ponta com Paladini, Leite e Chiarelli nas demais posições.  No meio da corrida, Leite forçou, emparelhou e passou Marroni. 

Ao entraram na reta oposta, apenas Leite e Marroni disputavam a corrida, mesmo que Palladini tentou dar caça ao ponteiro e Chiarelli tentar a dupla.  

Contornando a reta final, Leite ponteava sem dificuldade, mesmo exigido Marroni   não consegui aproximar-se mais do líder. Ao chegar ao disco, Leite mostrou um vigor incomum e bateu por um corpo e um de luz sobre Marroni que vinha de derrota no mesmo clássico anterior.

Espero que as inspiradoras desse relato bem humorado (Eninha Campos e Sissy Mascarenhas)  gostem deste páreo corrido no sul da provincia.
Share on Google Plus

About Geraldo V Laps

         
Adm. de Empresas, Gaúcho, Parlamentarista e defensor do Voto Distrital Puro.

0 comentários:

Postar um comentário