Recantos de Porto Alegre - mini zoologico Palmira Gobbi

No mais tradicional parque de Porto Alegre, o Redenção (nome popular do oficial Parque Farroupilha), tem um mini-zoológico que leva o nome da pioneira na defesa da vida animal, Palmira Gobbi Dias (1909-1979)O Minizôo foi criado em 1925, durante a implantação da primeira etapa da urbanização do Parque Farroupilha e a construção do Parque Paulo Gama.

Aves aquáticas como gansos, patos e marrecos, que viviam em liberdade e utilizavam o lago do Parque Paulo Gama como seu habitat, foram os primeiros animais do minizôo.
Com o desenvolvimento da cidade e a preocupação em proteger esses animais e os que chegavam de doações, foram construídas no ano de 1927, gaiolas para abrigá-los, quando foi oficializado o Minizôo do Parque Paulo Gama. Em meados da década de 60, como a população de animais era considerável, alguns foram transferidos para o Zoológico de Sapucaia do Sul, permancecendo no Minizôo primatas e aves. Em 10 de novembro de 1984, para homenagear uma das mais conhecidas defensoras dos animais da cidade, recebeu o nome de Palmira Gobbi Dias.

Em 1988, os viveiros foram relocados para o interior do parque, com o intuito de não expor os animais ao ruído e à poluição atmosférica causada pelo tráfego intenso do entorno. O Minizôo encontra-se neste local até os dias de hoje, com uma área aproximada de 2.800 m2, abrigando aves, mamíferos e répteis, num todal de 107 animais de 24 espécies, provenientes de doações de particulares ou de apreensões de tráfego e comércio ilegal realizadas pelos órgãos oficiais (IBAMA e Batalhão Ambiental). A alimentação fornecida aos animais é a mais próxima possível da consumida no seu habitat natural. 

E para terminar, não poderiamos deixar de registrar a ave que mais deslumbra no mini-zôo : o pavão!!!  E ele não foi indiferente com sua assistência, promoveu um belo espetáculo, confira o vídeo.


(com informações do site aredencao )

Comentários

  1. Geraldo, quando vou ao Zoo do Rio, eu me amarro em ver o pavão. Realmente, quanta beleza. É majestoso ve-lo se abrir! Quanta perfeição!

    Adoro ler curiosidades sobre zoos. Um interessante de se ler é de Berlin, o que restou dele após o derradeiro bombardeio e o que hoje é para a cidade.

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário