A incrível Jornada : O Itaimbezinho

Escrevi um artigo sobre  o hipótetico lugar chamado Shangri-Lá lá no Novo Na Redeespaço que compartilho com outros blogueiros de nível. Este lugar estaria situado no Himalaia, e confesso que seria um pouco difícil chegar,  seja pela questão geográfica ou pela questão econômica. 

Porém sugiro que vocês conheçam o Shangri-lá gaúcha, trata-se do Cânion Itaimbezinho, situado no município de Cambará do Sul, na fronteira com Santa Catarina. Mas o que é o Itaimbezinho? . É o cânion mais famoso  da região e também um dos mais belos. Suas paredes medem 5,8 km de extensão, 720 metros de profundidade e 600 metros de largura.

O nome é de origem tupi-guarani, alusivo aos antigos habitantes do local, e significa “ita=pedra” e “aimbé=cortada, afiada”, ou seja, pedra cortada ou pedra afiada.

Na parte alta, duas trilhas permitem visitar os principais atrativos do Itaimbezinho e do Parque Nacional de Aparados da Serra:

TRILHA DO VÉRTICE

É a trilha mais curta, com 1,4 km de extensão. Leva-se em média 45 minutos de caminhada (ida e volta). O nível é fácil. Pessoas de todas as idades podem fazer esta trilha. Há mirantes, passarelas e placas. O primeiro mirante permite ver a Cascata das Andorinhas, que possui uma queda de aproximadamente 300 metros de altura. Suas águas são formadas pelo Arroio Perdizes. No segundo mirante é possível ver a Cascata Véu da Noiva. Possui uma queda com cerca de 500 metros. Suas águas são formadas pelo Arroio Preá, que ajuda na formação do Rio do Boi, que fica na parte de baixo do cânion. No terceiro mirante é possível ver as duas cascatas e o início do Itaimbezinho, que é em forma de vértice e dá origem ao nome da trilha.

TRILHA DO COTOVELO

A trilha possui 6,3 km de extensão. Leva-se em média 2h30 de caminhada (ida e volta). O nível é fácil. Pessoas de todas as idades podem fazer esta trilha. A maior parte do trajeto, 4 km, é feita por uma antiga estrada do parque. O restante do caminho é feito pela borda do cânion. Chegando ao mirante é possível ver a imagem clássica dos paredões do Itaimbezinho com o caminho do Rio do Boi no meio. Também é possível ver de pertinho as duas cascatas e uma terceira, chamada de Seu Marçal.

DICAS:

* As trilhas do Vértice e do Cotovelo podem ser feitas tranquilamente num dia.
* Faça o passeio de manhã. Saia cedinho para o cânion, entre 8h e 8h30. A incidência de nevoeiro é menor pela manhã.

TRILHA DO RIO DO BOI

Esta é a trilha mais longa e também a mais difícil. O acesso é por Praia Grande (SC) e só é possível fazê-la com o acompanhemento de um guia ou condutor credenciado.  A caminhada é feita na parte de baixo do Itaimbezinho, no seu interior. São 8,3 km de trilha (ida e volta) passando por dentro do rio, com pedras e muita água como obstáculos. A caminhada dura de cinco a sete horas. No verão o passeio possibilita banhos em cachoeiras e piscinas naturais. 

DICAS:

* Reserve um dia para esta atividade e vá com roupa de banho por baixo da roupa.
* Esteja preparado para molhar o corpo e os calçados.

VISITAÇÃO

Aberto para visitação de quarta a domingo, das 9h às 18h.
Atenção: A bilheteria fecha às 17h e a Trilha do Cotovelo fecha às 15h.

COMO CHEGAR

O ponto de partida é a cidade de Cambará do Sul. O acesso é pela rodovia RS-429. Fica distante 18 km do centro de Cambará do Sul. A estrada é de terra e pedregosa. Consulte informações sobre as condições atuais deste acesso entrando em contato com a sede dos parques nacionais. 

INGRESSO

•    R$ 6,00 (por pessoa).
•    Crianças até 7 anos não pagam.

ESTACIONAMENTO

•    Carros pequenos: R$ 5,00
•    Ônibus: R$ 10,00

INFRAESTRUTURA

Centro de visitantes com exposição, auditório, banheiros públicos, bancos para refeição (no centro de visitantes e na Trilha do Cotovelo), Centro de Informações Turísticas e estacionamento.

IMPORTANTE
 
É proibido acampar, acender fogueira e levar animais de estimação.
 

 Fonte: Cambará On Line  (texto)  Foto: Werner Zotz / Embratur                    

3 comentários:

  1. que massa ler um texto assim. Fico na vontade de colocar a mochila nas costas e seguir as trilhas.
    boa amigo,
    abçs

    ResponderExcluir
  2. Rsrsrsrsr ... quanto a esse Shangri-la ficou assim digamos mais acessível as minhas "virtudes" ... rsrsrsr

    ResponderExcluir

@pharispoa