Chuva forte provoca estragos no Estado



Cerca de cem famílias estão desabrigadas no Vale do Rio Pardo. Foto: Luis Roberto Alves/Especial

A região Central e os Vales do Taquari e Rio Pardo são os locais mais atingidos. Pelo menos cinco trechos de rodovias estão interditados e centenas de pessoas desabrigadas.

A chuva que atinge diversas regiões do Estado desde a madrugada desta segunda-feira causou muitos transtornos na região do Vale do Rio Pardo. Mais de cem famílias estão desabrigadas na cidade de Sobradinho e na área ribeirinha de Candelária diversas famílias precisaram ser removidas para ginásios do município e para a casa de parentes.

Sobradinho

Em Sobradinho, cerca de cem famílias precisaram ser removidas de suas residências, devido às cheias. Dois ginásios do município foram disponibilizados pela prefeitura para abrigar essas famílias. Algumas pessoas foram removidas para casas de parentes. Segundo a Defesa Civil do município, três pontes de acesso à cidade foram cobertas pelo Arroio Carijinho, que subiu cerca de 4 metros.

Os bairros mais atingidos foram Baixada, Rio Branco, União e Vera Cruz, todos próximos ao Arroio. Em alguns locais a água chegou a cobrir totalmente as casas.

Candelária

Em Candelária, o problema mais grave enfrentado pelo município são as famílias que ficaram ilhadas em localidades do interior. Um helicóptero foi utilizado para o resgate nas localidades de Linha do Rio, Quilombo, Passa Sete e Alto Passa Sete. Os acessos por terra a estes municípios estão interditados.

O Rio Pardo já subiu cerca de sete metros durante o dia de hoje. Na localidade de Linha do Rio, um homem desapareceu na correnteza no final da manhã. Ele teria tentado salvar o gado que pastava em uma região alagada pela cheia do rio. O trecho da RS-287 que liga Candelária a Santa Cruz do Sul, está interrompido, porque a água cobriu a pista. 


Fonte: Clicrbs e RBS TV

2 comentários:

  1. É, Geraldo.
    A natureza está farta e não cansa de nos mostrar isso. Aqui em São Paulo a coisa foi feia também. Tenho uns vasos pesados aqui na varanda e vários deles caíram com a força dos ventos.
    Não é mole, não.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. O mais triste nisso tudo é que a falta de prevenção causa mais vítimas e aumenta os estragos. O planeta manda seu recado e avisa que as coisas só vão piorar. Se o pessoal não encarar isso com seriedade e se prevenir, a coisa vai se agravar cada vez mais.

    ResponderExcluir

@pharispoa